Monthly Archives: março 2019

Ministério da Educação divulga diretrizes para o Saeb 2019

Ministério da Educação divulga diretrizes para o Saeb 2019 – O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia vinculada ao Ministério da Educação (MEC), dará continuidade ao Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) em regime de parceria com os Estados, Distrito Federal, e Municípios, de acordo com a Portaria 271/2019 do Inep, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 25 de março. As regras para realização do sistema para 2019 estão previstas na normativa.

Histórico do Saeb

Criado em 1990, inicialmente o Saeb foi aplicado de forma amostral para a avaliação externa da aprendizagem dos alunos no ensino fundamental e médio em escolas públicas e privadas. Em 2005, o Saeb foi reestruturado e passou a ser composto por duas avaliações: a Avaliação Nacional da Educação Básica (Aneb), que manteve as características originais do Saeb, ou seja, avaliação por amostra incluindo a rede privada, e a Avaliação Nacional do Rendimento Escolar (Anresc), conhecida como Prova Brasil, aplicada de forma universal nas escolas públicas. Em 2103, a Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) foi incorporada ao Saeb para melhor aferir os níveis de alfabetização e letramento em Língua Portuguesa (leitura e escrita) e Matemática.

Ao final de 2018, o MEC anunciara que as siglas ANA, Aneb e Anresc deixariam de existir e todas as avaliações passarão a ser identificadas pelo nome Saeb, O objetivo do Saeb é produzir indicadores educacionais para o Brasil, regiões, Unidades da Federação e, quando possível, para os Municípios e escolas, para subsidiar a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas públicas em educação baseadas em evidências. Os resultados do Saeb relativos à avaliação do aprendizado dos estudantes em Língua Portuguesa e Matemática subsidiam o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), criado pelo MEC em 2007.

Saeb de 2019

De acordo com a Portaria 271/2019, neste ano o Saeb será aplicado entre os dias 14 e 25 de outubro e avaliará todas as escolas públicas localizadas em zonas urbanas e rurais que possuam dez ou mais estudantes matriculados no 5º ano e 9º ano do Ensino Fundamental e de 3ª e 4ª série do Ensino Médio, além de amostra de escolas privadas e de instituições públicas ou conveniadas com o setor público.

Segundo a Portaria, a população a ser avaliada será definida com base nas informações coletadas em caráter preliminar pelo Censo da Educação Básica 2019, até o dia 31 de julho. As escolas sorteadas para compor as amostras serão contatadas pelo Inep a partir de setembro até a data da aplicação.

Além das provas de Língua Portuguesa e Matemática para estudantes de 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e de 3ª e 4ª séries do Ensino Médio, em 2019 está prevista a aplicação de provas de Ciências da Natureza e de Ciências Humanas para uma amostra de estudantes de 9º ano do Ensino Fundamental, tendo a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) como referência.

Da mesma forma que nas edições anteriores, também serão aplicados os seguintes questionários:
I – para Secretarias Estaduais e Municipais de Educação, a serem respondidos pelos titulares da pasta nos Estados e Municípios;
II – para diretores de escola, a serem respondidos pelos responsáveis legais das unidades escolares;
III – para professores das turmas; e
IV – para estudantes das turmas, exceto na etapa da educação infantil.

Caberá às secretarias estaduais ou municipais de educação informar ao Inep, até o dia 31 de maio de 2019, os nomes e os códigos das escolas indígenas que não participarão do Saeb; os resultados preliminares das escolas participantes serão disponibilizados pelos Diretores Escolares em 31 de maio de 2020, por meio de sistema on-line. Eles terão 15 dias corridos – após a divulgação dos resultados preliminares – para realizar a interposição de recursos aos resultados apresentados. O Inep analisará e emitirá resposta aos recursos até 31 de agosto de 2020.

Adiada a avaliação da alfabetização

O MEC informou que a avaliação da alfabetização, a antiga ANA, foi adiada para o Saeb 2021, por solicitação da Secretaria de Alfabetização do Ministério. Portanto, a alfabetização das crianças no início do ensino fundamental será retomada somente quando as escolas de todo país tiverem implantado a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e estiverem ajustadas às políticas de alfabetização propostas pela referida Secretaria.

Detalles de la disfunción eréctil

Detalles de la disfunción eréctil

El tesoro escondido de la disfunción eréctil

La mayoría de los problemas de impotencia de disfunción de erección son provocados por dificultades de circulación. Debido a que los síntomas de la disfunción eréctil tienden a ser un indicador de alguna otra condición médica, es crucial que descubra atención médica. Las actividades que contribuyen con la salud cardiovascular y cardiaca también pueden ayudar a disminuir el mejor sitio peligro de disfunción eréctil.

La tensión y la ingesta de alcohol también pueden afectar el rendimiento. La terapia de risa aumenta el flujo de sangre del cuerpo humano y también regula la salud general de alguien. El alcohol puede incluso influir en el poder de hacer durante el coito.

Si tiene problemas, informe a su médico antes de tomar cualquier medicamento para la disfunción eréctil. Pedir consejo a un médico de manera sistemática y tampoco automedicarse con respecto a la disfunción eréctil. Asegúrese de hablar con un médico o profesional de la salud antes de dejar de tomar cualquier medicamento que ya le hayan recetado.

Reducir un poco de peso para empezar, tienes que cuidar tu salud completa. Lo que indica que tiene que examinar a su médico y recordar que está haciendo ejercicio y salud. Se pueden encontrar varias formas, para que usted y su médico puedan elegir el que sea ideal para usted personalmente.

Además de ser el resultado de su amplia variedad de efectos no deseados, es vital buscar una cura natural y segura para la pérdida de semen después de la menopausia. Si su bomba de pene es realmente una excelente opción de tratamiento para usted, su médico puede recomendar o prescribir un modelo en particular. Para mantener una erección, la sangre tiene que tomar una posición para fluir y permanecer en el pene hasta el orgasmo.

Puede ocurrir a cualquier edad, pero es mucho más propenso a ocurrir en una edad más avanzada. Puede ser causada por diferentes tipos de condiciones, psicológicas o físicas. Los problemas de impotencia, también conocidos como problemas de impotencia, son problemas reproductivos normales que se producen debido al efecto de las facetas corporales y psicológicas.

Hay muchos medicamentos de venta libre y recetados que pueden causar problemas de impotencia. Además, las enfermedades no son simplemente la causa principal de los problemas de impotencia, sino también la impotencia masculina.

La familiaridad sexual regular es fundamental para que muchas parejas mantengan un nivel de vida satisfactorio. Si bien no es tan embarazoso para la gente mayor, pero es realmente muy molesto para los hombres jóvenes. Aunque no hay un súper alimento específico para detener o superar la disfunción de la erección, las investigaciones indican que algunos alimentos para ayudar a conseguir la erección pueden encontrar el trabajo terminado para los adultos.

Los hombres quieren la testosterona a las razones exactas, así como ayudar a mantener una próstata sana. “Es muy valioso para los hombres darse cuenta de que es normal tener una erección completa de vez en cuando”, aclaró. A ellos les resulta mucho más difícil manejar la situación en comparación con los demás, y aquí explicaremos la mejor manera de tratar el trabajo de la disfunción eréctil.

Qué es la disfunción eréctil y qué no lo es

Si debe ser significativamente obeso y también quiere detener la disfunción eréctil, entonces desea mantener el peso de la salud y mantener los niveles de azúcar bajo control. Al apreciar las hierbas y verduras totalmente naturales tan típicas de la cocina, puede obtener otros beneficios para la salud del ajo, incluido el antioxidante que reduce la posibilidad de desarrollar ciertos tipos de cáncer. Es, con mucho, el suministro más esencial de nutrientes que su cuerpo necesita para funcionar correctamente y no es diferente cuando se trata de sus erecciones y su salud sexual.

La disfunción eréctil encubrir

Ahora, el estado podría manejarse mejor con la ayuda de remedios herbales. La forma perfecta de obtener del dilema es mantenerse en contacto con la pareja. En caso de que tenga un problema inherente, entonces deberá manejar el problema.

La función eréctil es una parte importante del bienestar sexual. La disminución de la necesidad sexual puede considerarse inevitable en una relación a largo plazo, pero no se sabe si eso es realmente cierto o si es realmente una razón de la edad o la familiaridad. Debe observar a un médico de cabecera si tiene dificultades a largo plazo con problemas de impotencia, ya que puede ser un indicio de una condición de salud subyacente.

Prefeitura de Sussuapara recebe produtos finais dos Planos de Saneamento Básico e Resíduos Sólidos

Na manhã desta sexta-feira, 15, o prefeito de Sussuapara Edvardo Rocha, Pé Trocado (PP), recebeu os produtos finais referentes ao Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e ao Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS).

Os Planos elaborados de forma coletiva com a participação da gestão municipal e da comunidade sussuaparense contou com a assessoria técnica da empresa NERAR Engenharia.

Em Sussuapara, o processo de elaboração do PMSB e do PMGIRS foi iniciado em julho de 2018 e concluído em dezembro do respectivo ano. Ambos são instrumentos legais voltados para ampliar a saúde pública local por meio de ações nos setores de saneamento básico, manejo dos resíduos sólidos, drenagem da água das chuvas e abastecimento de água potável.

Com os produtos em mãos, o prefeito Pé Trocado, falou como os mesmos irão contribuir positivamente para Sussuapara.

“Hoje estamos dando um passo muito importante me relação ao progresso e ao desenvolvimento, nenhum município pode crescer sem ter um plano de saneamento básico. Com o material em mãos parabenizo a empresa pelo ótimo trabalho desenvolvido. Faremos remessas para a Câmara Municipal para que seja aprovada a lei municipal, logo em seguida destinaremos cópias para as instituições públicas, a fim de provar que a Sussuapara está preparada para receber qualquer projeto ou emenda”, disse o gestor.

A engenheira sanitarista e ambiental da empresa NERAR Engenharia, Catiane Lima, destacou que os Planos tem horizonte de validade por até 20 anos, sendo submetidos a revisão há cada quatro anos diante da necessidade.

“Os Planos vigoram por até 20 anos. Neste prazo, os gestores municipais devem buscar parcerias para executar as propostas. Vale ressaltar que a cada quatro anos os mesmos devem ser revisados para possíveis alterações. Em resumo, este é um importante passo que o município dá em prol de mais saúde pública e qualidade de vida para a população”, disse a engenheira.

Prefeitura de Itainópolis recebe produtos finais do Plano de Saneamento Básico e Resíduos Sólidos

Na manhã desta quinta-feira (14) o município de Itainópolis recebeu os produtos finais referentes ao Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e ao Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). Os Planos elaborados de forma coletiva com a participação da gestão municipal e da comunidade itainopolense contou com a assessoria técnica da empresa NERAR Engenharia.

Em Itainópolis, o processo de elaboração do PMSB e do PMGIRS foi iniciado em junho de 2018 e concluído em dezembro do respectivo ano. Ambos são instrumentos legais voltados para ampliar a saúde pública local por meio de ações nos setores de saneamento básico, manejo dos resíduos sólidos, drenagem da água das chuvas e abastecimento de água potável.

O prefeito de Itainópolis, Dr. Paulo Lopes, esteve presente no ato de entrega dos produtos e destacou o resultado positivo na elaboração dos Planos.

“Foram seis meses de elaboração dos Planos, em que governo e população estiveram caminhando juntos apresentando a realidade e propondo melhorias para nossa cidade. Agradecer a colaboração da empresa NERAR Engenharia durante todo esse processo, as orientações foram essenciais para o êxito alcançado. Agora é somar ainda mais esforços, parcerias, para executar os Planos”, disse o prefeito.

A engenheira sanitarista e ambiental da empresa NERAR Engenharia, Catiane Lima, destacou que os Planos tem horizonte de validade por até 20 anos, sendo submetidos a revisão há cada quatro anos diante da necessidade.

“Os Planos vigoram por até 20 anos. Neste prazo, os gestores municipais devem buscar parcerias para executar as propostas. Vale ressaltar que a cada quatro anos os mesmos devem ser revisados para possíveis alterações. Em resumo, este é um importante passo que o município dá em prol de mais saúde pública e qualidade de vida para a população”, disse a engenheira.

Plano Municipal de Resíduos Sólidos é apresentado a população de Conceição do Canindé

O município de Conceição do Canindé sediou nesta quinta-feira (14) a audiência pública final de apresentação do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). O evento de participação popular ocorreu no auditório da Prefeitura Municipal.

A audiência pública é a última etapa no processo de elaboração do Plano. O momento contou com a participação de representantes da gestão municipal, da sociedade civil organizada e da comunidade em geral.

Durante o processo de elaboração do PMGIRS, o município contou com a assessoria técnica da empresa NERAR Engenharia que realizou o diagnóstico e prognóstico da cidade no tocante ao manejo dos resíduos sólidos.

A engenheira sanitarista e ambiental da empresa NERAR Engenharia, Amanda Santos, destacou que o Plano de Resíduos Sólidos é um importante instrumento para garantia da saúde pública local.

“Estamos concluindo um trabalho de seis meses que contou com a participação do governo e população, onde os envolvidos apontaram as deficiências e propuseram propostas de melhorias. Atuamos de forma técnica, assessorando o município durante todo o processo, realizando as visitas, organizando eventos. O resultado final foi apresentado aos munícipes agora é buscar recursos para poder tornar o Plano uma realidade”, afirmou a engenheira.

Após a conclusão do Plano, este passará a ter validade legal mediante aprovação do projeto pela Câmara Municipal de Vereadores.

 

Audiência apresenta Planos de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos em Vera Mendes

O município de Vera Mendes sediou nesta quarta-feira (13) a audiência pública final de apresentação do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). O evento de participação popular ocorreu no auditório da Prefeitura Municipal.

A audiência pública é a última etapa no processo de elaboração dos Planos. O momento contou com a participação do prefeito de Vera Mendes, Milton Oliveira, do vice-prefeito, Valderito Martins, da secretária de Saúde, Gardênia Oliveira, da secretária de Assistência Social, Andreia Sampaio, de vereadores, de representantes da sociedade civil organizada e da comunidade em geral.

O prefeito de Vera Mendes, Milton Oliveira, destacou o comprometimento da gestão “Trabalho e Cidadania” na elaboração dos Planos, bem como da empresa NERAR Engenharia (empresa responsável pela assessoria técnica).

“Ficamos muito satisfeitos com o resultado final dos Planos. Foi um trabalho que acompanhamos desde o início na zona urbana e na zona rural. A população fez o seu papel e participou com afinco. Agradecer a NERAR Engenharia pelo trabalho, empenho, isso é muito importante”, afirmou o prefeito.

A secretária de Saúde de Vera Mendes, Gardênia Oliveira, frisou que os Planos são instrumentos que garantem mais qualidade de vida para os munícipes.

“Essa é mais uma conquista para o município de Vera Mendes, para a gestão “Trabalho e Cidadania”, como também para a saúde do município que vai resultar na população ter uma maior qualidade de vida, mais conhecimento sobre a estrutura de saneamento básico do município. Todo esse conhecimento vai gerar mais políticas públicas para garantia da saúde pública”, disse.

Durante o processo de elaboração do PMSB e do PMGIRS, o município contou com a assessoria técnica da empresa Nerar Engenharia que realizou o diagnóstico e prognóstico da cidade no tocante ao saneamento básico, drenagem das águas pluviais, abastecimento de água potável e manejo dos resíduos sólidos.

Após a conclusão dos Planos, este passará a ter validade legal mediante aprovação do projeto pela Câmara Municipal de Vereadores.

Santana do PI recebe produtos finais dos Planos de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos

Na tarde desta quarta-feira (13) o município de Santana do Piauí recebeu os produtos finais referentes ao Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e ao Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). Os Planos elaborados de forma coletiva com a participação da gestão municipal e da comunidade santanense contou com a assessoria técnica da empresa NERAR Engenharia.

Em Santana do Piauí, o processo de elaboração do PMSB e do PMGIRS foi iniciado em julho de 2018 e concluído em dezembro do respectivo ano. Ambos são instrumentos legais voltados para ampliar a saúde pública local por meio de ações nos setores de saneamento básico, manejo dos resíduos sólidos, drenagem da água das chuvas e abastecimento de água potável.

A prefeita de Santana do Piauí, Maria José de Sousa Moura (Progressistas) destacou o compromisso da gestão e do povo na construção coletiva dos Planos.

“Executamos através da assessoria da NERAR Engenharia todas as etapas para a elaboração do Plano de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos. Hoje estamos recebendo os produtos que retratam a realidade do nosso município no tocante ao lixo, abastecimento de água, bem como outros fatores. Nos Planos ainda há as soluções apontadas pela população que vão oferecer melhorias para nossa cidade”, disse a prefeita.

Maria José reforçou que a entrega dos Planos (já aprovados pela Câmara de Vereadores) é também um importante mecanismo para aquisição de recursos da União tendo em vista que os mesmos são uma exigência legal da política nacional de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos, bem como do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI).

A engenheira sanitarista e ambiental da empresa NERAR Engenharia, Catiane Lima, destacou que os Planos tem horizonte de validade por até 20 anos, sendo submetidos a revisão há cada quatro anos diante da necessidade.

“Os Planos vigoram por até 20 anos. Neste prazo, os gestores municipais devem buscar parcerias para executar as propostas. Vale ressaltar que a cada quatro anos os mesmos devem ser revisados para possíveis alterações. Em resumo, este é um importante passo que o município dá em prol de mais saúde pública e qualidade de vida para a população”, disse a engenheira.

10 municípios piauienses elaboraram Planos de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos

Em 2019, os municípios de Itainópolis, Santana do Piauí, Sussuapara, Vera Mendes, Bela Vista do Piauí e Isaías Coelho entraram para o grupo das cidades piauienses que cumpriram as determinações legais e elaboraram o Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS). Demonstrando mesmo compromisso e responsabilidade legal, também fazem parte do grupo Wall Ferraz, São Julião, Aroeiras do Itaim e Conceição do Canindé, que elaboraram o Plano de Resíduos Sólidos.

Os Planos de Saneamento Básico e de Resíduos Sólidos são normativas legais asseguradas nas Leis nº 11.445/2007 e nº 12.305/2010, consideradas um marco regulatório para a universalização do acesso ao Saneamento Básico e para a gestão compartilhada de Resíduos Sólidos. A elaboração do PMSB e do PMGIRS também é uma recomendação do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), em que os municípios que não cumprirem tal exigência serão penalizados com a suspensão de recursos da União.

No processo de elaboração dos Planos, período de seis meses, os municípios citados contaram com a assessoria técnica da NERAR Engenharia. A empresa foi responsável pelo levantamento de informações in loco junto à comunidade e gestão, bem como atuou na promoção de audiências públicas e oficinas setoriais, oferecendo orientações sistematizadas, onde a população local atuou de forma integrada, participando dos eventos, reivindicando melhorias e propondo novas ações.

 

A engenheira sanitarista e ambiental da NERAR Engenharia, Catiane Lima, enfatizou que na construção dos Planos, governo e munícipes estiveram atuando de forma conjunta, discutindo a realidade local e propondo melhorias. Isso sinaliza a sensibilidade dos gestores municipais em prol do bem estar da coletividade.

Elaboração dos Planos                                                          

Os municípios que ainda não elaboraram o PMSB e o PMGIRS devem tratar de construí-los, pois os mesmos possuem prazo legal para serem apresentados às instituições governamentais competentes.

Vale ressaltar que no momento de elaboração dos Planos, contar com assessoria técnica especializada é fundamental para resultados satisfatórios.

A NERAR Engenharia conta com equipe de engenheiras sanitaristas e ambientais com larga experiência na elaboração dos Planos nos Estados do Piauí, Bahia, Goiás e Minas Gerais. Para maiores informações sobre o tema, a empresa está localizada na Rua João Nunes, n° 421, no bairro Canto da Várzea, em Picos.

 Audiência pública Itainópolis 

 

Audiência pública Santana do Piauí

 

Audiência pública Isaías Coelho

 

Audiência pública São Julião

 

Audiência pública Aroeiras do Itaim

 

Audiência pública Sussuapara

 

Audiência pública Wall Ferraz

 

Audiência pública Bela Vista do Piauí

 

Audiência pública Vera Mendes

 

Audiência pública Conceição do Canindé

 

Ministério da Economia divulga cronograma para execução das emendas impositivas individuais 2019

A Secretaria de Gestão do Ministério da Economia (SEGES/ME) divulgou por meio da Portaria Interministerial nº 78, de 26 de fevereiro de 2019, o cronograma para execução das emendas impositivas individuais 2019 na plataforma SICONV.

O cronograma estabelece prazos para a execução de Convênios, Termos de Parcerias, Termos de Fomento, Colaboração e Contratos de Repasse que devem ser cumpridos com o objetivo de garantir a efetiva entrega à sociedade dos bens e serviços decorrentes de emendas parlamentares individuais de execução obrigatória, independentemente de autoria.

Confira o cronograma:

CRONOGRAMA 1- SEM UTILIZAÇÃO DAS MANDATÁRIAS (Celebração dos instrumentos pelos Órgãos Concedentes)

CRONOGRAMA PARA EXECUÇÃO DE CONVÊNIOS, TERMOS DE PARCERIA, TERMOS DE FOMENTO E COLABORAÇÃO
AÇÃO RESPONSÁVEL Prazos
Divulgação dos Programas Concedente De 6 a 11/03
Envio das Propostas e Plano de Trabalho Proponente Até 17/03
Análise das Propostas e Plano de Trabalho Concedente Até 5/04
Complementação das Propostas e Plano de Trabalho Proponente Até 12/04
Reanálise das Propostas e Plano de Trabalho Concedente Até 29/04
Registro de Impedimento Técnico no SIOP Concedente Até 30/04

 

PROPOSTA 2 – CRONOGRAMA – COM UTILIZAÇÃO DAS MANDATÁRIAS (Celebração dos instrumentos pelas Mandatárias)

CRONOGRAMA PARA EXECUÇÃO DE CONTRATOS DE REPASSE
AÇÃO RESPONSÁVEL Prazos
Divulgação dos Programas Concedente De 6 a 11/03
Envio das Propostas Proponente Até 17/03
Análise das Propostas Concedente Até 3/04
Complementação das Propostas Proponente Até 7/04
Reanálise das Propostas Concedente Até 12/04
Envio para a Mandatária da União Concedente Até 12/04
Envio do Plano de Trabalho Proponente Até 15/04
Análise do Plano de Trabalho Mandatária Até 22/04
Complementação do Plano de Trabalho Proponente Até 24/04
Reanálise do Plano de Trabalho Mandatária Até 29/04
Registro de Impedimento Técnico no SIOP Concedente Até 30/04